Como sair das dividas com pouco dinheiro: Siga os 5 passos necessários

1465

Como sair das dividas é uma pergunta que muitos brasileiros fazendo todos os dias, mas não têm ideia de como lidar com a situação e se livrar das questões financeiras.

A boa notícia é que com um bom planejamento financeiro e força de vontade é possível se livrar das dívidas.

Conheça a quantidade necessária

Tentar evitar dívidas não vai te ajudar em nada então, neste ponto, você deve primeiro descobrir a quantidade necessária então, é hora de deixá-la e seguir em frente organize esta lista em ordem crescente, ou seja, das taxas mais baratas para as mais altas

Ao fazer isso, você saberá não apenas o quanto já fez, mas também o número total de pessoas que aguardam o pagamento. Aqui, é importante incluir a data de vencimento de cada dívida, quais devem estar desatualizadas e priorizadas.

Reduza custos desnecessários

É importante cortar despesas desnecessárias para quem deseja quitar o empréstimo essas despesas podem estar associadas a almoços / jantares em restaurantes, festas, fantasias, viagens, etc.

A lista é muito grande e varia de acordo com o uso pessoal, então você tem que descobrir qual é o custo e depois removê-los.

REDUZA CUSTOS DESNECESSÁRIOS

Nesse ínterim, tente ajustar suas despesas e priorizar o pagamento de suas contas não apenas em atraso, mas também em pagamentos mensais. É isso, você precisa estar organizado para configurar uma emergência e finalmente economizar uma taxa mensal para fazer um investimento.

Assim, no futuro, você terá mais chances de se livrar das dívidas, pois terá recursos suficientes para cobrir despesas de emergência, como perder o emprego.

Renegocie as suas dívidas

Como você deseja pagar sua dívida, o credor final quer aceitá-la. Nesse sentido, é importante não ter medo de tentar obter lucro dos dois lados. Antes disso, porém, você deve se preparar

Verifique sua situação financeira atual e envie uma proposta adequada ao endosso. Indique quanto você pode pagar e explique que esse valor não pode ser excedido, caso contrário, é possível que você não consiga fazer uma promessa até o final com uma compreensão boa e honesta das negociações, é possível chegar a um acordo para vencer.

Priorize dívidas altas taxas com de juros maiores

Você tem mais de uma dívida? Portanto, atenção especial deve ser dada àqueles que estão com taxas de juros mais altas isso porque, ao longo do tempo, o valor total pode aumentar significativamente, o que pode tornar a dívida menos exigível.

Esse tipo de situação é mais provável de ocorrer com cheque especial e dívidas de cartão de crédito com altas taxas de juros.

Se sua dívida está relacionada a um dos últimos exemplos, você precisa agir imediatamente contrate uma instituição financeira que lhe conceda fundos em dinheiro, discuta o valor que tem de pagar e certifique-se de que continua a usar cartões e saques a descoberto ao pagar.

É importante trabalhar com quase tudo que você pode controlar facilmente nesse caso, uma conta poupança será suficiente.

Estabeleça metas

Por fim, é interessante notar que você tem o hábito de definir metas para controlar seu comportamento geral. Assim, é possível cumprir com facilidade suas obrigações mensais sem comprometer a nova apólice ou deixar de resolver o acordo negociado.

No entanto, é importante que essas metas sejam realistas, o que significa que elas realmente se aplicam à sua situação financeira. Caso contrário, todos os planos que foram feitos até agora estão desmoronando.

Consulte como esta seu nome no Serasa Consumidor: www.serasa.com.br