Benefícios e Desvantagens do Cartão de Credito- Confira!

272

Quer saber como fazer dos cartões de crédito um aliado em sua saúde financeira?

Imagine a seguinte situação: você vai à farmácia comprar vitaminas para melhorar seu bem-estar, e após um período de medicação, você começa a ter sérios problemas de saúde. Consulta um médico e descubra que esses problemas estão associados ao abuso de vitaminas. Então você sai do consultório com uma receita que prescreve a medida de uso apropriada.

Como os remédios, o cartão de crédito ficou mais fácil para nossas vidas e, como os remédios, o cartão pode ser um medicamento ou um veneno dependendo da forma como é usado. Portanto, apresentaremos os prós e contras deste produto para que você possa utilizá-lo bem e com ele, trazer mais controle para sua saúde financeira!

Desvantagens dos cartões de crédito

A principal desvantagem em relação a este produto está relacionada ao seu uso. Isso porque o Brasil é um dos países com as maiores taxas de juros no cartão de crédito! Embora tenha havido mudanças nessas taxas, elas ainda são altas e perigosas.

Porém, não podemos abandonar ferramentas importantes porque apresentam riscos. Veja as desvantagens deste cartão, dê o passo mais sábio e assuma todos os riscos envolvidos!

Perigos:

Basicamente, o cartão de crédito é uma linha de crédito que dá acesso instantâneo ao benefício, sem a necessidade de documentos e outras burocracias. Embora isso seja uma vantagem.

  • Juros da fatura
Os juros exorbitantes do cartão são aplicados quando não há pagamento integral da conta. Nesse ponto, a linha de crédito pode se transformar em um vilão. Portanto, ao utilizar o cartão, deve-se efetuar o pagamento integral até a data de vencimento. Afinal, o não pagamento de uma conta pode acabar sendo uma bola de neve que acumula juros!
  • Use-o como uma ajuda na renda.

Devido ao fácil acesso ao crédito, muitos agora consideram esse valor, ainda que sem saber, como uma renda adicional. Com isso, têm a ilusão de que o cartão coloca dinheiro no bolso e acaba aumentando seus gastos. Cuidado!!!! A conta chega, e com juros altíssimos!

  • Fraude

Atualmente, existem vários mecanismos para detectar possíveis fraudes e devolver o seu dinheiro. Ainda assim, você não terá essa dor de cabeça e estresse. Portanto, preste muita atenção aos sites onde você faz suas compras e também à entrega incorreta de dados.

  • Sem controle com pequenas despesas

Mesmo que você não fique deslumbrado com o crédito fácil, o desejo de fazer uma compra devido a facilidade do cartão, pode prejudicar sua organização financeira. Essas pequenas despesas, quando combinadas, podem significar um valor muito maior do que você imagina no final do mês.

Juros do cartão de crédito

Os juros do cartão de crédito são muito altos e giram em torno de 390% ao ano, mas você pode evitá-los. Mas infelizmente isso nem sempre acontece e mais gente acaba se decepcionando por entrar em um dos dois tipos de juros:

  • rotativo, pagamento entre 15% e 100% do valor total da fatura (menor taxa de juros)
  • rotativo não regular, pagamento inferior a 15% da fatura (juros mais elevados).

E a mudança nas regras de taxas de juros?

Em 1º de junho de 2018, entrou em vigor uma nova regra sobre juros de cartão de crédito, regulamentada pelo Conselho Monetário Nacional.

  1. Até então, o cliente deve pagar pelo menos 15% do valor total da fatura para entrar na taxa de juros rotativa. HOJE, o percentual mínimo (para juros rotativos) é estabelecido por cada banco e empresa.
  2. A nova regra impede a cobrança de taxas de juros diferenciadas. Assim, quando o cliente paga um percentual da fatura inferior ao especificado pelo banco ou empresa (rotatividade não regular), o cliente não paga juros maiores. Porém, você pode ser multado em 2% do valor total da fatura e, além disso, pagar juros de mora, que é limitado a 1% ao mês.

Benefícios do cartão de crédito

Embora a mudança na regra dos juros não tenha resolvido o problema, o cartão de crédito pode trazer excelentes benefícios para quem é organizado e não comete os erros citados acima.

  • Condições de pagamento

Para quem está bem organizado, o prazo de pagamento no cartão, de até 40 dias, pode caber como uma luva para solucionar os problemas, facilitando sua vida e otimizando seu tempo!

  • Parcelamento sem juros

Como muitos sabem, existem certos investimentos que são mais vantajosos quando existe a opção do parcelamento, mesmo que o investidor tenha todos os recursos em mãos. Com isso em mente, a opção de parcelamento sem juros pode otimizar muito o seu dinheiro.

  • Segurança, facilidade e conforto

Devido à sua materialidade, o cartão de crédito não permite o transporte de grandes quantias de dinheiro. Além disso, impede que você distribua sua assinatura pela cidade (como acontece com os cheques) e está sempre disponível para qualquer imprevisto. Além disso, o extrato simples e detalhado do cartão pode ajudá-lo na sua organização financeira!

  • Compras online

Em nossa sociedade atual, o conforto é muito importante. Nesse sentido, o cartão de crédito é bom, pois permite que você compre itens do conforto de sua casa pela Internet.

  • Prêmios, descontos, milhas …

Se você usar bem o cartão, poderá acumular pontos e trocá-los pelos mais diversos benefícios! Isso, combinado com outros benefícios, pode impactar positivamente suas finanças e contribuir para um futuro mais próspero financeiramente!

Agora que você está treinado para usar seu cartão de crédito, pode usar esta ferramenta para otimizar suas finanças. Preste atenção ao seu cartão de crédito para evitar danos e rombos.